Figura excêntrica, singular e exibicionista, Dalí possuía um estilo único sendo ousado, vanguardista e libertador. Como exemplo, podemos citar suas vestimentas as quais eram extravagantes e possuíam cores vibrantes.

Embora seja mais conhecido por suas obras plásticas, Dalí foi um artista multifacetado. Teve participação em trabalhos nas áreas do cinema, da literatura, da escultura, da ilustração e da fotografia.

Salvador Domingo Felipe Jacinto Dali i Domènech nasceu em 11 de maio de 1904 na cidade de Figueres, na Catalunha, Espanha.

Com forte ligação maternal, foi muito incentivado artisticamente por sua mãe, Felipa Domenech Ferrés. Assim, começou a pintar com 13 anos de idade.

Seu pai, Salvador Dalí i Cusí, organizou sua primeira exposição familiar com seus desenhos feitos à carvão. Já sua primeira exposição pública foi realizada na cidade onde nasceu, no “Teatro Municipal de Figueres”, em 1919.

Em 1921, sua mãe faleceu vítima de um câncer de mama. Dalí estudou na “Escola de Desenho Federal”, na “Academia de Artes de San Fernando” em Madrid, donde foi expulso em 1926, pois recusou-se a fazer as provas da disciplina de Teoria das Belas Artes.

Foi casado com Elena Dimitrievna Diakonova, conhecida pelo nome de Gala Éluard, russa e ex-esposa do poeta Paul Éluard. Ela foi muitas vezee mencionada pelo próprio Dalí como sua “grande musa inspiradora”.

Depois da morte de Gala, em 1982, Dalí torna-se um homem infeliz. Falece na sua cidade natal, Figueres, no dia 23 de janeiro de 1989, com 84 anos, vítima de insuficiência cardíaca.

Chamado muitas vezes de o “Mestre a Arte Surrealista”, Salvador Dalí chegou a afirmar que seus quadros eram "fotografias de sonhos pintadas à mão”.

Assim, foi considerado um dos grandes ícones da vanguarda surrealista. Todavia, causou polêmicas sendo expulso pelo líder e fundador do movimento André Breton, por motivos de interesses e tendências políticas distintas.

Chegou a dizer que: “A diferença entre os surrealistas e eu é que, na verdade, eu sou surrealista".

Principais Obras:

Salvador Dalí é considerado um dos grandes artistas do século XX e suas obras plásticas são repletas de imagens oníricas e bizarras. Destacam-se:

-O enigma sem fim (1928)
-Os dois balcões (1929)
-A persistência da memória (1931)
-Ovos estrelados sem prato (1932)
-Sono (1937)
-Girafa em chamas (1937)
-Metamorfose de Narciso (1937)
-A tentação de Santo Antônio (1946)
-Cristo de São João da Cruz (1951)
-Galatea (1952)
-A última ceia (1955)
-Toreador alucinógeno (1968)











Fontes:
https://www.todamateria.com.br/salvador-dali/



"/>
Figura excêntrica, singular e exibicionista, Dalí possuía um estilo único sendo ousado, vanguardista e libertador. Como exemplo, podemos citar suas vestimentas as quais eram extravagantes e possuíam cores vibrantes.

Embora seja mais conhecido por suas obras plásticas, Dalí foi um artista multifacetado. Teve participação em trabalhos nas áreas do cinema, da literatura, da escultura, da ilustração e da fotografia.

Salvador Domingo Felipe Jacinto Dali i Domènech nasceu em 11 de maio de 1904 na cidade de Figueres, na Catalunha, Espanha.

Com forte ligação maternal, foi muito incentivado artisticamente por sua mãe, Felipa Domenech Ferrés. Assim, começou a pintar com 13 anos de idade.

Seu pai, Salvador Dalí i Cusí, organizou sua primeira exposição familiar com seus desenhos feitos à carvão. Já sua primeira exposição pública foi realizada na cidade onde nasceu, no “Teatro Municipal de Figueres”, em 1919.

Em 1921, sua mãe faleceu vítima de um câncer de mama. Dalí estudou na “Escola de Desenho Federal”, na “Academia de Artes de San Fernando” em Madrid, donde foi expulso em 1926, pois recusou-se a fazer as provas da disciplina de Teoria das Belas Artes.

Foi casado com Elena Dimitrievna Diakonova, conhecida pelo nome de Gala Éluard, russa e ex-esposa do poeta Paul Éluard. Ela foi muitas vezee mencionada pelo próprio Dalí como sua “grande musa inspiradora”.

Depois da morte de Gala, em 1982, Dalí torna-se um homem infeliz. Falece na sua cidade natal, Figueres, no dia 23 de janeiro de 1989, com 84 anos, vítima de insuficiência cardíaca.

Chamado muitas vezes de o “Mestre a Arte Surrealista”, Salvador Dalí chegou a afirmar que seus quadros eram "fotografias de sonhos pintadas à mão”.

Assim, foi considerado um dos grandes ícones da vanguarda surrealista. Todavia, causou polêmicas sendo expulso pelo líder e fundador do movimento André Breton, por motivos de interesses e tendências políticas distintas.

Chegou a dizer que: “A diferença entre os surrealistas e eu é que, na verdade, eu sou surrealista".

Principais Obras:

Salvador Dalí é considerado um dos grandes artistas do século XX e suas obras plásticas são repletas de imagens oníricas e bizarras. Destacam-se:

-O enigma sem fim (1928)
-Os dois balcões (1929)
-A persistência da memória (1931)
-Ovos estrelados sem prato (1932)
-Sono (1937)
-Girafa em chamas (1937)
-Metamorfose de Narciso (1937)
-A tentação de Santo Antônio (1946)
-Cristo de São João da Cruz (1951)
-Galatea (1952)
-A última ceia (1955)
-Toreador alucinógeno (1968)











Fontes:
https://www.todamateria.com.br/salvador-dali/



" />

Salvador Dalí

Salvador Dalí  - Viver Com Arte e Acessórios

Salvador Dalí

Salvador Dalí foi um pintor e escritor espanhol pertencente ao grupo do vanguarda artística europeia, o surrealismo.

Ficou conhecido por suas obras com influências oníricas e ele mesmo definiu seu processo criativo como "crítico-paranoico"

Figura excêntrica, singular e exibicionista, Dalí possuía um estilo único sendo ousado, vanguardista e libertador. Como exemplo, podemos citar suas vestimentas as quais eram extravagantes e possuíam cores vibrantes.

Embora seja mais conhecido por suas obras plásticas, Dalí foi um artista multifacetado. Teve participação em trabalhos nas áreas do cinema, da literatura, da escultura, da ilustração e da fotografia.

Salvador Domingo Felipe Jacinto Dali i Domènech nasceu em 11 de maio de 1904 na cidade de Figueres, na Catalunha, Espanha.

Com forte ligação maternal, foi muito incentivado artisticamente por sua mãe, Felipa Domenech Ferrés. Assim, começou a pintar com 13 anos de idade.

Seu pai, Salvador Dalí i Cusí, organizou sua primeira exposição familiar com seus desenhos feitos à carvão. Já sua primeira exposição pública foi realizada na cidade onde nasceu, no “Teatro Municipal de Figueres”, em 1919.

Em 1921, sua mãe faleceu vítima de um câncer de mama. Dalí estudou na “Escola de Desenho Federal”, na “Academia de Artes de San Fernando” em Madrid, donde foi expulso em 1926, pois recusou-se a fazer as provas da disciplina de Teoria das Belas Artes.

Foi casado com Elena Dimitrievna Diakonova, conhecida pelo nome de Gala Éluard, russa e ex-esposa do poeta Paul Éluard. Ela foi muitas vezee mencionada pelo próprio Dalí como sua “grande musa inspiradora”.

Depois da morte de Gala, em 1982, Dalí torna-se um homem infeliz. Falece na sua cidade natal, Figueres, no dia 23 de janeiro de 1989, com 84 anos, vítima de insuficiência cardíaca.

Chamado muitas vezes de o “Mestre a Arte Surrealista”, Salvador Dalí chegou a afirmar que seus quadros eram "fotografias de sonhos pintadas à mão”.

Assim, foi considerado um dos grandes ícones da vanguarda surrealista. Todavia, causou polêmicas sendo expulso pelo líder e fundador do movimento André Breton, por motivos de interesses e tendências políticas distintas.

Chegou a dizer que: “A diferença entre os surrealistas e eu é que, na verdade, eu sou surrealista".

Principais Obras:

Salvador Dalí é considerado um dos grandes artistas do século XX e suas obras plásticas são repletas de imagens oníricas e bizarras. Destacam-se:

-O enigma sem fim (1928)
-Os dois balcões (1929)
-A persistência da memória (1931)
-Ovos estrelados sem prato (1932)
-Sono (1937)
-Girafa em chamas (1937)
-Metamorfose de Narciso (1937)
-A tentação de Santo Antônio (1946)
-Cristo de São João da Cruz (1951)
-Galatea (1952)
-A última ceia (1955)
-Toreador alucinógeno (1968)











Fontes:
https://www.todamateria.com.br/salvador-dali/